Sexta-feira, 7 de Fevereiro de 2020

LÁGRIMAS DE VERGONHA

Lágrimas de vergonha III.jpg

LÁGRIMAS DE VERGONHA

 

Porque lacrimas, pergunto eu?...
Parece-te que pouco interessa!
E será tanto assim, ou engano?...
Esse pranto, alguma razão terá!

 

Anda, encosta-te a ombro meu
E soluça, faz-te de alma confessa,
Procura a solução ao desengano
E que pior que tu alguém estará!

 

Olha à volta, a Terra onde moras,
Sente quem tanto andas a calcar,
Ouve estas notas, ditas por mim
E tantas vezes pouco nos servem...

 

Não tenhas vergonha, se choras...
Pode ser mero desabafo, chorar!...
Porém, deves prantear, isso sim,
Pelas lágrimas que a ti se devem!...

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )
Todos os Direitos de Autor reservados e protegidos nos termos da Lei 50/2004, de 24 de Agosto - Código do Autor. O autor autoriza a partilha deste texto e/ou excertos do mesmo, assim como a imagem inédita, se existente, desde que mantidos nos seus formatos originais e obrigatoriamente mencionada a autoria da obra intelectual.

sinto-me:
tags:

publicado por francisfoto às 22:45
link do post | comentar | favorito

UM QUANTO DE BRUTO!...

 

Um quanto de bruto!... I.jpg

UM QUANTO DE BRUTO!...

 

Cada vez me sinto um tanto bruto,
Intelectualmente falando, é claro!...
E nem sei se estou a ficar estúpido,
Ou se, de tal, me andando fazendo!
Olho ao redor e questionando tudo,
Calado, pois que nada e tal discuto...
Já não percebo as gentes que vejo,
As mais ridículas e inócuas atitudes,
Havendo quem tudo faz em cortejo,
Simplesmente de nada entendendo,
Num vazio, ao que os olho e reparo,
Incrédulo, inerte, senão estupefacto,
Às mais de tão esquecidas virtudes
E receio de cometer paralelo acto!...
Bruto, assim me entendo e declaro,
Observo tal mundo, enquanto paro,
Sentindo aquele tal nó no estômago
E como se ingerido veneno amargo!...
Vou-me contagiando de brutalidade,
Assim me moldam, em tal igualdade!

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )
( Imagem da net )
Todos os Direitos de Autor reservados e protegidos nos termos da Lei 50/2004, de 24 de Agosto - Código do Autor. O autor autoriza a partilha deste texto e/ou excertos do mesmo, assim como a imagem inédita, se existente, desde que mantidos nos seus formatos originais e obrigatoriamente mencionada a autoria da obra intelectual.

 

sinto-me:
tags:

publicado por francisfoto às 04:10
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 6 seguidores

.pesquisar

 

.Abril 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Livro e Cultura

. ESTOU CANSADO...

. Encomende à Chiado Editor...

. O QUE RESTA DESSA ARROGÂN...

. PUTA DE VIDA III

. SENTIMENTOS DA VIDA II...

. SENTIMENTOS DA VIDA

. ESTES ILUMINADOS PATRIOTA...

. SER, OU NÃO SER, EIS A QU...

. SOCIEDADE DE REBANHOS

.arquivos

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Junho 2014

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs

.subscrever feeds