Sábado, 28 de Novembro de 2020

ARRASTA-SE A SOCIEDADE

 

Não agradarás a todos....jpg

ARRASTA-SE A SOCIEDADE

 

Arrasta-se a sociedade, pesadamente,
Pelas ruas do desconforto e amargura,
Botas pesadas e ao longo do caminho,
Por querelas e emoções de longa dura...
Trilhos escorregadios e nalgum repente,
Longe de sabores, ou qualquer carinho.
Pesarosamente, vão remoendo na vida,
Iludidos na esperança do não alcançável,
Sonhadores, audazes, em tal desmedida,
Por ruas, ruelas, na escuridão deplorável...
Anciãos, jovens e seja de qualquer etnia,
Pretos, brancos, cultos e menos letrados,
Pobres, ricos e sendo estes mais iludidos,
Pois que os miseráveis já não se perdem,
Pelos hábitos da história em que servem,
Sobreviventes, seja pela força, ou mania.
Rasgam-se sorrisos, num espaço da boca,
Lado a lado e na maior de tais falsidades,
Em que tudo o demais em nada nos toca,
Cantando, bailando, em nossas vaidades...
Somos nós, tais severos seres de orgulho
E ditosos no dito, em mentira camuflada,
Rastejantes, por falsa verdade encenada,
Pensando em nós, a recheado bandulho!...
Arrastam-se e arrastam demais com eles,
Arrasam, quem quer que seja à sua volta
E, por interesses, não deixam ponta solta,
Pois que todo o mundo terá de ser deles...
Somos nós, vós, eles e em tantos tempos,
Olvidando as conjugações verbais divinas,
Na escrita de poeta maldito e nos campos
E em cujos se estendem as gentes e sinas...

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )
Todos os Direitos de Autor reservados e protegidos nos termos da Lei 50/2004, de 24 de Agosto - Código do Autor. O autor autoriza a partilha deste texto e/ou excertos do mesmo, assim como a imagem inédita, se existente, desde que mantidos nos seus formatos originais e obrigatoriamente mencionada a autoria da obra intelectual.

 

sinto-me:
tags:

publicado por francisfoto às 18:58
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 6 seguidores

.pesquisar

 

.Janeiro 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

13

18
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. FUNERAL CIRCENSE

. PRAGA DE PARASITAS

. TRISTES, SUBSERVIENTES E ...

. HIPOCRISIA E FUNDAMENTALI...

. QUEM CALA CONSENTE...

. ESQUERDAS POR DIREITAS

. RECORDAÇÕES DOIRADAS

. OLHAR PENETRANTE

. COMEM OS CÃES COM OS LOBO...

. SOU VENTO QUE SOPRA

.arquivos

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Junho 2014

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs

.subscrever feeds