Segunda-feira, 30 de Março de 2020

SOCIEDADE DE REBANHOS

 

Sociedade de rebanhos.jpg

SOCIEDADE DE REBANHOS

 

Não faço parte de rebanhos, que não merecem o terreno, muito menos o que nele pastam,
Nem tampouco entro em listas de usurários, hipócritas, gente falsa e quantos lambe-botas,
Indo aos Domingos à igreja, bater com a mão no peito, qual tresloucado e que tal abundam,
Rotulando-se, ao tempo, bons samaritanos, divagando-se bem-fazentes e tais meras bostas!

 

Afirmo e sem receio de críticas, aquilo a que a liberdade me faculta e tanto me dá por direito,
Não escondendo os pensamentos em que navego, sem obrigar a que entrem neste meu barco...
Não compro amigos, quem quer que seja, como muitos, que os buscam e se calam a seu jeito,
Preferindo a minha sólida solidão, tais espaços de reflexão, que outro qual e simples charco!

 

Se alguma vez me chamam de devedor à inteligência, talvez seja o quanto se miram ao espelho,
De quão hipócritas, egoístas, empurrando tudo com a barriga e espetando a cabeça pela areia,
Arrogantes e tão estúpidos, que, na sua maculada inteligência, tão-pouco aceitam um conselho!

 

E não que necessariamente sigam os meus, singelo e alcunhado profeta das desgraças da nação,
Mas de quantos a mim súperos, esses com os quais também aprendo, desviando qual falsa teia,
Pois que, de tão burro, como certas bestas afirmam, nunca será demais perder dissonante razão!

 

( Manuel Nunes Francisco ©® )
( Imagem da net )
Todos os Direitos de Autor reservados e protegidos nos termos da Lei 50/2004, de 24 de Agosto - Código do Autor. O autor autoriza a partilha deste texto e/ou excertos do mesmo, assim como a imagem inédita, se existente, desde que mantidos nos seus formatos originais e obrigatoriamente mencionada a autoria da obra intelectual.

sinto-me:
tags:

publicado por francisfoto às 18:10
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 6 seguidores

.pesquisar

 

.Outubro 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

12
13
14

20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. ÁGUAS QUE CORREM

. HISTÓRIAS DA VIDA...

. SINTO, ENQUANTO VIVO...

. O QUE TANTO ESCONDO

. OLHANDO O FIRMAMENTO...

. SONHOS DESALMADOS

. ESPÉCIME DE POETA...

. ESMOLAS À PORTA

. SINCERIDADE...

. POBRES, MAS SUBSERVIENTES

.arquivos

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Junho 2014

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs

.subscrever feeds