Quinta-feira, 14 de Janeiro de 2021

SOU VENTO QUE SOPRA

 

Vento que sopra I.jpg

SOU VENTO QUE SOPRA

 

Sou como o vento,
Tanto junto, como separo,
Garantindo que não sou sustento,
A quantos criticam o meu reparo!...
Sou a brisa fresca de Verão,
Abençoado ar quente de Inverno,
Marro, como o maior cabrão,
Sempre que vejo um inferno!...
Elevo pó, todas as merdas
E que tal me venham contra,
Até rebolo massas lerdas
E que se dizem de montra...
Pois, como se fossem bolos,
Criando apetite aos gulosos,
Cuja gente cega e tão tolos,
Só olham para os mais vistosos!...
Sou vento, que sopra as velas
E entrando pelas janelas,
Arrefecendo quantas canelas,
Tanto de palácios, sejam celas...
Ou mesmo duras cabeças,
Espalhadas pelo mundo,
Pelas mais escuras travessas
E num sonambulismo profundo!...
Sou vento, criador de tempestades,
Sejam invernosas, ou estivais,
Vento que semeia verdades
E entrando pelos portais!...
O tal vento, cujo não ousa ficar à porta,
Por mais que incompreendido,
Em rajadas, que tudo varre e corta,
Portanto escarnecido...
Excomungado, como as cobras,
Ao voltear de cereais adorado,
Por tal soprar e tais manobras
E nunca se dando por vergado!...

 

Manuel Nunes Francisco ©®

    - Imagem da net -
Todos os Direitos de Autor reservados e protegidos nos termos da Lei 50/2004, de 24 de Agosto - Código do Autor. O autor autoriza a partilha deste texto e/ou excertos do mesmo, assim como a imagem inédita, se existente, desde que mantidos nos seus formatos originais e obrigatoriamente mencionada a autoria da obra intelectual.

 

sinto-me:
tags:

publicado por francisfoto às 01:32
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 6 seguidores

.pesquisar

 

.Fevereiro 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
11
12

16
18
19
20

22
26
27

28


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. COSTA LUSITANA...

. REFLEXÃO

. SENTAM-SE À MESA...

. O PASSARINHO...

. MORTE, ENTRE OUTRAS COISA...

. POR ENTRE DEMÓNIOS

. DANÇAS AO UNIVERSO

. IMORTALIDADE

. ESTA SIMPLES PASSAGEM...

. O DIA DOS NAMORADOS...

.arquivos

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Junho 2014

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub